quarta-feira, 18 de novembro de 2009

beatrix kiddo

De que me adianta viver na cidade, se a felicidaaade não me acompanhar?...


Hahaha.

Sério.

De que me adianta ter encontrado o namorado perfeito, que não ronca nem quando dorme bêbado nem de barriga pra cima nem bêbado de barriga pra cima se eu durmo todos os dias é com a minha avó, que faz mais barulho que uma britadeira?





Tarantino feelings.

3 comentários:

Fernanda disse...

Why, god, WHY?

Marcelo Mayer disse...

hahaha
de que adianta achar o amor de minha vida, se ela não suporta meu cigarro?

honey disse...

Ah... você já imaginou um dia isso tudo publicado no papel?
Ri a valer agora, pensando nessa hipótese, que há de se considerar...rs